PASTORAL FÉ E POLÍTICA

Arquidiocese de São Paulo

ptarzh-CNenfrdehiitjarues

Temos 79 visitantes e Nenhum membro online

Escola de Fé e Política Waldemar Rossi

Programa de Metas Indicadores e referências

Em 08/06/15 a Escola de Fé e Política Waldemar Rossi recebeu o Coordenador da Rede Nossa São Paulo (RNSP) que apresentou o Programa de Metas com seus indicadores e referências. 

 A mística inicial deu-se a partir do texto das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil para 2015/2019.

 

Programa de metas – referências – O Projeto do Pai

“Diretrizes da Evangelização – 2015/19” (62): “A vida é dom de Deus. O Evangelho da vida está no centro da mensagem de Jesus’. É missão dos discípulos o serviço à vida plena. Por isso, a Igreja no Brasil proclama com vigor que ‘as condições de vida de muitos abandonados, excluídos e ignorados em sua miséria e dor, contradizem o Projeto do Pai e desafiam os discípulos missionários a maior compromisso a favor da vida’.

A alegria do Evangelho”: (194) - Para a Igreja, a comunidade política deve ter por objetivo o bem comum, isto é, o bem integral de todos os cidadãos: moradia, saúde, educação, lazer e liberdade religiosa. (195)

As autoridades políticas existem apenas para isso. Não devem ocupar-se apenas com sua vida particular e profissional, mas, também, como cidadãos dotados de direitos e deveres, ultrapassar o âmbito do seu grupo em vista de toda a sociedade.

(196) – O bem comum é a única razão da existência da sociedade política e de sua estrutura jurídica.(...)

(199) – Todas as pessoas podem e devem criar associações, sindicatos, grupos políticos e culturais, comunidades de fé, para poder emitir suas opiniões e colaborar na construção de uma sociedade mais justa e fraterna. Só assim poderão participar ativamente da vida e do governo do país.

 

 

Que foi refletido por Waldemar Rossi. 

IGREJA voltada à realidade de miséria de boa parcela da população

      Serviço à vida plena

Eco nas palavras do Papa na Alegria do Evangelho

    agir

As metas atendem às necessidades da maioria do povo?

A lei permite interferir neste governo e no próximo, ao participar das audiências e propor demandas.

Exigir que o dinheiro do povo seja aplicado em benefício deste próprio povo.

 

Em seguida Maurício Broinizi retomou com o 

 

Programa de Metas

 

TEMOS para onde olhar

 

Eleger prioridades

 

PMSP Secretaria de Planejamento

 

Toda meta tem que se dar em razão do tempo

 

Estabelecer passos para atingir

 

Sair das promessas de campanha para propostas de metas

 

Informações periódicas à população

 

Balanço das  Metas

2013-2014

(2 anos = 50%)

Metas concluídas:22

  Em andamento:   101

 

 

Objetivo 1 superar a pobreza

 

Objetivo 2 educação

 

Objetivo 3 saúde

 

Confira o Balanço de Metas no arquivo.

 

A lei é flexível, permite que o prefeito faça inclusões e retire itens, desde que justificado.

 

 

IRBEM Índice de REferência de Bem Estar do Município

 

A saúde é uma das piores áreas avaliadas

 

Todos precisamos pressionar os governos, pois o SUS é ainda algo a ser transformado em lei.

 

Faltam médicos em todo o país.

 

 

Debate em sala sobre o setor privado na área de saúde - lobby da medicina privada e dos laboratórios.

 

Escolas de medicina aquém da necessidade e as particulares pagas apenas para poucos privilegiados.

 

Venda fracionada da medicação - não foi aprovado na câmara, nem tramitou.

 

Tratamento alternativos não são aprovados no Brasil.

 

 

Qual nosso envolvimento com a saúde?

 

Saúde começa na alimentação, atividade física etc e passa pela questão de não usar agrotóxicos.

 

MICC - PRODUTOS livres de agrotóxicos

 

 

Prioridades permanecem abaixo.

 

 

Programa cidades sustentáveis

 

 

 

No Mundo

 

Atualmente: mais da metade da humanidade já vive em cidades

 

2030: 60% e 2050: 70% (ONU)

 

Emissões de gases de efeito estufa: 80% nas Cidades (Banco Mundial)

 

América Latina

 

Mais de 180 milhões de pobres moram atualmente em cidades (Cepal)

 

No Brasil

Atualmente: 85% da população é urbana (IBGE)

 

Sustentabilidade - promover e manter a vida

 

Nosso modelo é insustentável

 

Estilo de vida médio dos americanos requer 3 planetas

 

Na Eco 92 o diagnóstico já estava dado.

 

As cidades são estratégicas para isso.

 

As reuniões dos países minimamente se comprometem a diminuir a emissão de gases, sem estabelecer metas.

 

Ferramentas

A) PLATAFORMA CIDADES SUSTENTÁVEIS, agenda para a sustentabilidade das cidades que incorpora de maneira integrada as dimensões social, ambiental, econômica, política e cultural;

B) INDICADORES associados aos eixos da plataforma que farão parte dos compromissos de candidatos(as) e prefeitos(as) – 100 básicos e mais de 300 gerais;

C) BOAS PRÁTICAS. Casos exemplares e referências nacionais e internacionais. 

 

Fornece um software aos gestores para facilitar o diagnóstico da cidade

 

Indicadores

 

ex. De Canoas no RS projeto território de paz- diminuição da violência

 

Programa de inclusão dos deficientes físicos de Uberlandia

 

Espaços acessíveis - em 4 anos  a cidade com maior inclusão de deficientes físicos.

 

 

Para quase todos os nossos problemas existe uma solução disponível.

 

Obsolescência programada dos aparelhos - faz o sistema capitalista sobreviver.

 

O professor disponibilizou o material da aula:

 

Balanço de Metas 2013/2014 

Apresentação PCS 

Mapa da Desigualdade 2015 

Metas de Sustentabilidade por Municípios 

Programa Cidades Sustentáveis

{play}radio/MARCIA-ProgramadeMetas-08-06-15.mp3{/play}